É possível ser feliz no trabalho?

Faz sentido que esta possibilidade depende exclusivamente de você? E que esta escolha está diretamente relacionada a sua atitude.

É comum atribuirmos os nossos problemas e mau humor aos fatores externos. É sempre culpa de alguém ou de uma situação. Faz sentido que este pensamento te leve sempre às mesmas situações desgastantes? Se sim, cabe a você fazer novas escolhas para gerar cooperação e restabelecer a harmonia. As ideais criativas superam o stress.

Mas como fazer isto? Duas habilidades são fundamentais e precisam ser desenvolvidas. São elas: relacionamento interpessoal e intrapessoal. Mas como é possível desenvolver esta habilidades através do processo de coaching?

Faz parte do processo de coaching trabalhar o autoconhecimento para que você seja capaz de se descobrir, assumir-se, entender como reage às situações e o porquê. Esta descoberta aliada ao desejo de mudança pode agregar valor a sua carreira e principalmente a sua qualidade de vida. É uma oportunidade de mudar uma situação de crise através da inteligência emocional.

Goleman definiu inteligência emocional como: “… capacidade de identificar os nossos próprios sentimentos e os dos outros, de nos motivarmos e de gerir bem as emoções dentro de nós e nos nossos relacionamentos.” (Goleman, 1998). Dentro da inteligência emocional algumas habilidades se destacam e são tratadas em um processo de coaching.

O autoconhecimento emocional para reconhecer as próprias emoções e sentimentos e a empatia para reconhecer emoções no outro. Uma vez que você se conhece e consegue reconhecer o outro é possível praticar o controle emocional, tendo a consciência dos sentimentos no exato momento em que eles acontecem. O autocontrole monitora estes sentimentos para que seja possível administrar os conflitos através do ajuste da sua comunicação. Na prática esta mudança de comportamento não é simples, porque a decisão de fazer diferente precisa ser feita em milésimos de segundo antes que você repita o comportamento. A chave para esta mudança é ter claro qual será a sua recompensa, pois é a automotivação que lhe ajudará a dirigir as emoções a serviço de um objetivo ou realização pessoal.

Então é possível ser feliz em um ambiente corporativo ou migrar de ambiente é a única alternativa? A resposta está dentro de você. Uma vez que você se conhece tem capacidade de tomar as decisões que fazem sentido para você. E não tem certo ou errado. Seus valores aliados à busca contínua de conhecimento pessoal e técnico contribuem para uma atitude mais positiva.

Uma transição de carreira é algo positivo, mas não pode ser uma fuga. É fundamental sentir-se livre para viver uma nova fase, tratando as questões mal resolvidas através da ressignificação. Lembre-se, os sentimentos sempre estarão com você.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s